fbpx

As 20 melhores músicas KPOP de 2020

BLACKPINK, IRENE & SEULGI, Aespa e K/DA lideram o Top 5 das melhores do ano

2020 foi, de longe, um dos melhores anos para a música e não seria diferente na Coreia do Sul. Esse ano tivemos grandes comebacks e debuts que serão sempre lembrados pelo seu impacto na indústria, como o 1º full album do BLACKPINK e as conquistas do BTS nos Estados Unidos.

O conceito retrô, em alta esse ano em todo o mundo, também foi muito utilizado nas produções de K-pop em 2020. Grupos como BTS, EVERGLOW, TWICE e Apink e a solista Sunmi souberam como aproveitar o hype para lançar músicas e videoclipes incríveis e que deixaram os fãs de boca aberta. 

Reunimos aqui as 20 melhores músicas de K-pop lançadas em 2020 de acordo com impacto, produção e proposta artística.

20. ‘Wannabe’ – ITZY

ITZY é conhecido por seus hinos de empoderamento e amor próprio, e claro que ‘Wannabe’ não poderia ficar de fora dessa lista. Marcada por instrumentais fortes e o clássico dance break do grupo, a faixa trouxe para as meninas o título de videoclipe de um girl group da 4ª geração a atingir 200M de visualizações mais rápido no YouTube.

19. ‘mmmh’ – Kai

Há anos os ‘exo-ls’ (fãs do EXO) esperavam o debut solo do dançarino principal do grupo, Kai, e finalmente esse ano veio. Com um mini cheíssimo de R&B, a title ‘mmmh’ trouxe o gênero como forma de acentuar as cores vocais do artista, além de ter uma coreografia excelente e que mostra todo seu potencial enquanto dançarino. Para comemorar o debut solo, os exo-ls conseguiram fazer com que o videoclipe se tornasse o mais rápido a bater 10 milhões de visualizações por um artista masculino no k-pop.

18. ‘Back Door’ – Stray Kids

Como title track do seu álbum repack, ‘IN LIFE’, Back Door possui uma pegada EDM com raps e vocais fortes, similar aos seus lançamentos anteriores. A faixa também foi coproduzida pelos integrantes Bang Chan, Changbin e Han, mostrando o quanto eles sabem o que fazem para manter sempre a identidade do grupo à vista.

17. ‘Dumhdurum’ – Apink

Um dos comebacks mais esperados para esse ano foi o do Apink, um grupo com quase 10 anos de carreira e pertencente à 2ª geração do K-pop. Com uma vibe nostálgica e retrô, ‘Dumhdurum’ é a prova de que mesmo com muitos anos de carreira ainda é possível lançar trabalhos incríveis e únicos. 

16. ‘Criminal’ – Taemin

Taemin, do grupo Shinee, é considerado um dos melhores solistas masculinos da indústria do K-pop. Ele sempre dá o seu melhor e sabe como entregar um comeback de qualidade, com músicas e performances impecáveis. O que com certeza não seria diferente com ‘Criminal’, presente no álbum ‘Never Gonna Dance Again: Act 1’.

15. ‘Dynamite’ – BTS

‘Dynamite’ foi sem dúvidas um sucesso mundial, expandindo ainda mais os horizontes do grupo e mostrando o que eles vieram fazer. Assim, BTS se consagrou como o maior ato do K-pop da história, alcançado o topo da Billboard Hot 100 com uma música 100% em inglês e com conceito disco/retrô.

14. ‘Candy’ – Baekhyun

Membro do EXO assim como Kai, Baekhyun é um dos vocalistas principais e teve, com ‘Candy’, a title do seu segundo EP solo, ‘Delight‘. Sua voz, que contém tons metálicos com uma excelente extensão, foi realçada com os sintetizadores e com os próprios gêneros da música, R&B e pop. Em 2020, Baekhyun se tornou um million seller, sendo o ‘Delight‘ o primeiro álbum solo a vender um milhão de cópias em 19 anos.

13. ‘Dolphin’ – Oh My Girl

‘Dolphin’ foi aquela b-side que dominou os charts coreanos e foi viral até mesmo no TikTok. Após sua participação no Queendom, o Oh My Girl, grupo composto por Hyojung, Mimi, YooA, Seunghee, Jiho, Binnie e Arin, tem se mostrado mais maduro e ainda mais confiante para apresentar suas músicas e conquistar seu espaço na indústria do K-pop. ‘Dolphin’ é, com certeza, aquela música que você ouve e fica muito feliz. 

12. ‘eight (feat. SUGA)’ – IU

Considerada um tributo para Jonghyun, Sulli e Goo Hara, amigos próximos de IU, ‘Eight’, que conta com a produção e participação de Suga do BTS, apresenta uma melodia tranquila com vocais fortes. Com o trecho “Sob o sol laranja, nós dançamos juntos sem sombras. Não existem despedidas planejadas, me encontre naquelas lindas lembranças”, IU mostra o quanto seus amigos estarão sempre presentes em suas lembranças. 

11. ‘Star’ – LOONA

Sempre surpreendendo em seus lançamentos, LOONA fez seu comeback com o álbum [12:00], ainda com 11 integrantes, que fez as meninas terem sua primeira aparição na Billboard 200. ‘Star’, uma b-side e a versão em inglês da faixa ‘Voice’, chamou a atenção por suas batidas marcantes e sua influência retrô, ganhando também um videoclipe e promoções exclusivas nas rádios dos Estados Unidos

10. ‘Make a Wish (Birthday Song)’ – NCT U

Uma das melhores units do NCT, o NCT U, enquanto rotativa, sempre nos traz algumas surpresinhas, músicas completamente diferentes umas das outras e até apresentação de membros novos. ‘Make a Wish’ uniu tudo isso em uma música só. Do gênero hip-hop, ‘Make a Wish’ nos apresentou o Shotaro, um dos novos dançarinos principais do grupo, e trouxe a versatilidade de sempre com muito rap e coreografia excelente.

09. ‘pporappippam’ – SUNMI

Outra música que não poderia ficar de fora é ‘pporappippam’, da solista Sunmi. Tendo seu legado no Wonder Girls e agora como artista solo, Sunmi trouxe, mais uma vez, uma faixa bem city pop/retrô, um conceito que ela já vem nos trazendo, com direito a guitarra e teclado em seu instrumental. Os vocais, como sempre, impecáveis e do jeitinho Sunmi de ser: perfeitos. 

08. ‘LA DI DA’ – EVERGLOW

Uma das músicas mais injustiçadas nos charts da Coreia do Sul, mas que foi sucesso internacional é ‘LA DI DA’, do EVERGLOW. Com um conceito retrô, que lembra muito ‘Blinding Lights’ do The Weeknd, e com lines bem distribuídas – o que sempre foi um problema, conseguirmos enxergar o quanto elas melhoraram em seus vocais e danças, mostrando que o grupo ainda tem muito sucesso por vir.

07. ‘I Can’t Stop Me’ – TWICE

Essa foi, com certeza, a primeira vez que o TWICE mudou completamente seu conceito. Diferente de ‘Feel Special’ e ‘More & More’, suas últimas title tracks, ‘I Can’t Stop Me’ trouxe um conceito retrô e maduro, dando ao grupo ainda mais visibilidade no ocidente, onde tiveram direito a performances na TV americana e entrada na Billboard 200 com seu 2º full album, o ‘Eyes Wide Open’. 

06. ‘Kick It’ – NCT 127

Com um videoclipe inspirado nas artes marciais orientais, ‘Kick It’, title track do álbum NeoZone, nos traz letras de superação e de como conquistar o mundo igual ao Bruce Lee, ator e lutador chinês. A música também possui um instrumental poderoso e dançante, pra ninguém ficar parado. 

05. ‘More (feat. Lexie Liu, Jaira Burns, Seraphine & League of Legends)’ – K/DA

K/DA foi um grupo que, mesmo que virtual, dominou o ano de 2020. Com a participação de artistas como (G)-IDLE, Madison Beer, Lexie Liu e Jaira Burns, ‘More’ levou o grupo, que foi idealizado pelo League of Legends, para outro nível. Seu 1º mini album ‘ALL OUT’ também marcou o quando o grupo ainda tem para conquistar tanto virtualmente como na vida real. 

Leia nossa review do EP

04. ‘Black Mamba’ – Aespa

O tão esperado novo girl group da SM Entertainment finalmente debutou, com o single ‘Black Mamba’, e valeu a pena todos os anos de espera. Com um conceito misto utilizando realidade aumentada, o Aespa criou seu próprio universo virtual com vocais e coreografias e batidas marcantes, provando que ainda tem muito mais pela frente. Qual será a história que elas querem nos contar?

03. ‘Lovesick Girls’ – BLACKPINK

A title track do THE ALBUM, 1º full album do BLACKPINK, nos trouxe um lado de Jisoo, Jennie, Rosé e Lisa que não víamos desde 2017, no lançamento de ‘As If It’s Your Last’. ‘Lovesick Girls’ teve David Guetta como um dos produtores e nos lembra fortemente as músicas pop dos anos 2000. O refrão cantado – grande ponto a ser comentado, pois é completamente diferente dos lançamentos anteriores – foi a chave essencial para a música ficar presa na cabeça por dias. 

02. ‘Monster’ – Red Velvet: IRENE & SEULGI

Mostrando um lado completamente diferente e novo do Red Velvet, Irene e Seulgi, integrantes da sub-unit, trouxeram uma sonoridade e visuais mais maduros e um pouco dark. Não temos nem o que falar sobre esse projeto incrível que elas entregaram. A coreografia cheia de sincronia e os vocais impecáveis – como já conhecemos de músicas do grupo completo, provaram que elas estão melhores do que nunca. O que será que o próximo comeback do Red Velvet irá trazer? 

01. ‘How You Like That’ – BLACKPINK

Depois de mais de um ano em hiato, BLACKPINK mostrou que não veio para brincar. Com o primeiro pré-single de lançamento do seu 1º full album, o THE ALBUM, as meninas apresentaram vocais e raps ainda melhores e uma coreografia impactante. O single vendeu mais de 300 mil cópias físicas na Hanteo, chart coreano, abrindo portas para as meninas se consagrarem o maior girl group coreano da atualidade.

Total
0
Share