fbpx

Festival Forró da Lua Cheia traz apresentações de grandes artistas brasileiros no 1ª dia

Com cerca de cinco palcos, este ano o festival comemora 30 anos desde sua primeira edição, e nós do escutai iremos cobrir todos os dias do evento a convite do evento e da Umusic Brasil

Nos dias 16, 17, 18 e 19 acontece em Altinópolis, interior de São Paulo o Forró da Lua Cheia – um evento com artesanatos, oficinas, festas, e principalmente muita música. Com cerca de cinco palcos, este ano o festival comemora 30 anos desde sua primeira edição, e nós do escutai iremos cobrir todos os dias do evento a convite do evento e da Umusic Brasil, mostrando um pouquinho do que rolou no dia.

Liniker

Abrindo o evento no Palco Vale, Liniker trouxe a delicadeza e a energia que suas músicas emanam. Neste show, ela focou principalmente em suas músicas em carreira solo, do álbum Indigo Borboleta Anil de 2021, mas trouxe também seus sucessos com os Caramelows, como Zero e Sem Nome mas com Endereço, e também um cover de Azul da Cor do Mar, de Tim Maia.

Destaque também para os músicos que a acompanham, que além de serem muito competentes, possuem uma interação divertida e afetuosa, o que torna o show ainda mais especial.

Imagem: Heloiza Chaves (escutai/reprodução)

O Grande Encontro: Alceu Valença e Geraldo Azevedo

Antes da apresentação era um grande questionamento de como seria a dinâmica do show, já que Elba Ramalho não pode comparecer ao evento por testar positivo para covid-19. Contudo, Geraldo Azevedo e Alceu Valença conseguiram compensar a falta de sua terceira integrante e trouxe um show muito divertido e cheio de interação com o público.

Além de cantar em conjunto músicas como Caravana e Anunciação, os artistas fizeram apresentações solos – Geraldo trouxe Bicho de Sete Cabeças (cantada com Elba em outras situações) e Dia Branco. Já Alceu apresentou La Belle de Jour, que rendeu um momento engraçado em que o cantor cortou a unha na frente do palco.

Luísa e os Alquimistas

Com toda certeza, Luísa e os Alquimistas foi uma grande surpresas – apesar dos problemas técnicos que ocorreram no início do show, a apresentação foi muito boa: beats animados e muito bem feitos, guitarras eletrizantes e um baixo muito consistente.

Luísa tem muita presença de palco e um estilo irreverente, mas isso não é exclusiva dela – sua banda também possui muita personalidade. Destaco aqui também o figurino do grupo bem camp e colorido. De fato, o seu show é uma excelente porta de entrada pra conhece-los e tornar-se fã.

Falamansa

Para finalizar o dia, vimos o show do Falamansa. Nesta apresentação, o grupo trouxe seus principais sucessos, como: Xote dos Milagres e Xote da Alegria, músicas do setlist de comemoração de 20 anos de carreira.

Mesmo na madrugada, era possível sentir a energia das canções e de seu vocalista – Tito, que ao longo do show interagiu muito com o público e trouxe muitas mensagens de positividade.

Total
0
Share