fbpx

Recap | It’s Summer and We’re Running Out of Ice – Watchmen (01×01)

Está chovendo lulas! Está chovendo lulas!

Se você nunca ouviu falar de Watchmen ou de Rorschch & Co., provavelmente você não soube da estreia da adaptação da história da DC Comics pela HBO. Esperada por muitos, foi um momento épico para o segundo semestre da emissora, que colocou no horário nobre de domingo, a novidade nas telas brasileiras.

Se você perdeu alguma coisa ou o episódio inteiro, fica em paz que vamos fazer a recapitulação do episódio: “It’s Summer and We’re Running Out of Ice” (01×01)

escutai_watchmen_recap01

Começamos com imagens e preto e branco, um filme mudo que contava sobre Bass Reeves, o primeiro vice-oficial negro do Estados Unidos e oeste de Mississippi. Mas, quando a câmera recuou, vemos que a casa está quase vazia. Apenas um pianista que acompanha o filme e um jovem garoto curtindo a produção surge. Depois, há uma explosão lá fora, e um homem com uma arma entra e entrega a arma ao pianista. “Hora de ir”, diz ele.

Vamos para Tulsas, Oklahoma em 1921. Do lado de fora, o Klu Klux Klan está realizando um ataque violento na cidade, lar de muitos negócios prósperos de propriedades de residentes negros – o evento de fato acontecendo e ficou conhecido na história como “Black Wall Street”. Vemos um homem levar o menino e a mulher para outro prédio e no meio de tudo, pessoas incendiadas, tiroteios e até um ataque aéreo de visão. Uma vez lá dentro, o homem e a mulher mostram que não há espaço suficiente para que todos saiam em segurança. Então o homem escreve um bilhete, coloca no bolso do garoto e o manda embora com outro casal e uma menina pequena. Há uma explosão por perto enquanto eles viajam, e a criança fica inconsciente. Ele acorda em um campo e descobre que o casal que o transporta morreu, mas o bebê sobreviveu. Então, ele pega a garota e vai embora, percebe que Greenwood (onde tudo aconteceu) está em chamas ao longe. Ele pega o bilhete e descobrir que está escrito: “Vigie esse garoto”.

Na atual Tulsa, um policial aparece encostado um motorista que afirma que está apenas transportando alface. O policial está usando uma máscara amarela e percebe que o motorista também tem sua própria máscara. Ele se retira para o carro e chama seu aviso de “contrabando de Kalvary”, depois pede para que o escritório central desbloqueie sua arma para que ele possa usá-la. Isso demora um pouco para acontecer, mas, eventualmente, seu pedido é atendido – pouco antes de o motorista, agora mascarado, o matar.

O chefe de polícia Judd Crawford está em Oklahoma com pessoas vestida toda de preto e recebe a ligação sobre o seu oficial morto, que está vivo, mas nos finais no hospital. Acabamos vendo que todos os policiais mantêm seus empregos em segredo do público em geral, em um esforço para frustrar uma organização terrorista e racista chamada de The Seventh Kavlry. O Kavalry está inativo nos últimos três anos, mas parece que estão de volta com força total: o grupo envia à polícia um vídeo onde vemos vários membros da organização, todos usando máscaras como a do caminheiro e ameaçam os agentes da lei. “Tick Tock”, o grupo repente ameaçando até o vídeo terminar.

Enquanto tudo isso está acontecendo, Angela Abar, está dando aula de culinárias para a uma sala cheia de crianças. É aqui que começamos a entender as diferenças entre esta versão do presente e a nossa: por exemplo, o Vietnã é um dos Estados Unidos da América e Robert Redford é presidente. Angela é uma cozinheira que costumava ser policial antes de se aposentar; ela quase foi morta em um indiciante conhecido como “White Night”, quando os membros da Kavalry invadiram as casas dos policiais e atacaram suas famílias. Quando um garoto pergunta se recebeu “Redfordations”, outro garoto pula nele.

O menino que pula é filho de Angela, Topher. Quando os dois voltam para casa, um alarme dispara o que parece incomodar Angela mais do que assustá-la. Ela puxa o carro para o acostamento da estrada bem a tempo do céu escurecer um multidão de lula pequenas começa a cair do céu – Angela tira os bichos do pára-brisa e segue o jogo.

Em casa, encontramos o marido de Angela, Cal, e mais uma de suas filhas. Mas então o page dispara com a mensagem “Little Bighorn” e ela sai. Angela é dona da Milk & Hanoi, a padaria de estilo vietnamita que está abrindo. Há um homem velho em uma cadeira de rodas na frente, mas ela não prestou atenção e seguiu para a parte de trás da empresa. No estacionamento de trailers, chuta a porta de uma de uma casa e soca o cara lá dentro.

Como podemos ver: Angela não está tão aposentada assim do trabalho da polícia; agora ela é uma detetive que se veste de Sister Night (Irmã da Noite) quando está em serviço. “Eu tenho nariz pela supremacia branca”, explicou ela para Judd, quando ele volta para o escritório e leva um cara preso em seu porta-malas. Eles jogam o detento na “cápsula” e vemos Wade – que também conhecido como Det. Ele faz algumas perguntas, mas Wade diz que o cara está mentindo sobre não saber para onde foi o atirador, mas a pessoa de interesse não tosse no local até Angela o agride: “Fazenda de gado”, ela diz.

Descobrimos então que Angela, Wade e outro detetive, conhecido como Red Scare, se aproximando do rancho enquanto Judd e outra detetive se aproximam através de uma aeronave. Lá dentro, os membros da Kavalry estão estocando baterias de relógios, mas entram em ação quando um alarme os alerta para a presença da polícia. A coisa toda se transforma em uma batalha que termina quando Angela manta um membro da Kavalry e o outro – o cara que atirou no policial, no início do episódio – comete suicídio para escapar de ser captado. Do lado de fora, Jud e a detetive conseguem destruir o avião pelo qual os outros membros da Kavalry estavam tentando escapar. Mas, eles quebram sua nave no processo.

E uma coisa estranha aconteceu (novamente). Um homem monta em um cavalo até o que parece ser uma mansão inglesa. Em seguida, vemos ele escrevendo um roteiro totalmente nu, enquanto uma empregada massageia suas coxas. Seu mordomo se aproxima e lembra que é seu aniversário. Do que nós não sabemos. Mais tarde, porém, o mordomo (o Mr. Phillips) e a empregada (Miss Crooshanks) apresentam-lhe um relógio de bolso e um bolo, depois oferecem-lhe uma ferradura para cortar a sobremesa.

O homem parece motivo por seus gestos e diz a eles que começou a escrever “uma tragédia em cinco atos”, e ele quer que desempenhem os papéis principais quando terminar. A obra terá o seguinte título: The Watchmaker’s Son

De volta a Tulsa, a família de Angela leva Judd e sua esposa Jane para jantar. Todos se divertem, principalmente depois que Judd, cheira cocaína na cozinha. Ele canta e todo mundo ri. Lá fora, ele e Angela discutem silenciosamente como as pilhas de relógios que os Kalvary estavam armazenando eram do tipo que você não pode mais comprar, porque o lítio sintético nelas estava deixando as pessoas doentes. Então ele volta para casa, mas o hospital chama: O oficial que tomou um tiro (no começo do episódio) está acordado. Judd vai, mas ele nunca consegue.

Angela e Cal estão fazendo sexo em um armário em casa quando o telefone toca. O interlocutor instrui-a a encontrá-lo, e “Eu sei quem você é, então não use máscara maldita.” Ela arma Cal e diz para ele atirar em quem não é ela – seu simples “OK” me faz pensar em a tragédia viria.

O velho na cadeira de rodas está lá. Judd também está pendurado na árvore, morto. Quando Angela fica surpresa, horrorizada, vemos que o velho tem o mesmo bilhete com “Vigie esse garoto” que a criança do flashback de Black Wall Street.

Durante um noticiário, vemos um clipe muito rápido do Doutor Manhattan em Marte enquanto um edifício desmorona de maneira espetacular. Em outra cena, uma manchete de jornal proclama “Veidt oficialmente declarado morto” – um aceno para Adrian Veidt, da graphic novel, também conhecido como Ozymandias. Uma prévia de um programa de TV parece indicar que ele narrará uma encarnação anterior de super-heróis como Mothman, Captain Metropolis e o Silk Spectre original e Nite Owl.

Ouça a soundtrack de Watchmen no Spotify ou Deezer

Total
0
Share