fbpx

Super Bowl | O intervalo mais esperado do planeta

Está chegando o dia do Super Bowl LIV, evento que marcará a última partida da NFL entre Kansas City Chiefs e San Francisco 49ers. A temporada chega ao tão esperado evento, após ambos os times vencerem as finais de conferência com sobra, com destaque para a temporada dos 49ers, principalmente nos playoffs. A final promete ser de um jogo bem disputado, mesmo com as tais casas de aposta abrindo vantagem para os 49ers.

A primeira final de conferência foi disputada entre Kansas City Chiefs e Tennessee Titans, e o que parecia um jogo favorável aos Titans, se tornou uma virada imponente dos Chiefs, que marcaram 14 vitórias e apenas 4 derrotas na atual temporada.

 

O time de Andy Reid, para os íntimos Leoncio (Pica Pau), para outros Doctor Eggman (Sonic) mostrou resiliência e um poder de ataque muito reativo durante a partida.

A segunda final foi disputada entre Green Bay Packers e San Francisco 49ers. E o que se esperava de um jogo disputado, acabou se tornando um domínio de San Francisco. O forrozinho de Aaron rodgers não rolou e no fim, Green Bay foi engolido pelos 49ers.

 

A temporada aponta um favoritismo para San Francisco, porém no Super Bowl tudo pode acontecer. A partida é costumeiramente um jogo disputado, alegria para quem é fã do esporte. Mas é também uma noite especial aos amantes da música e cinema. Os comerciais lançam trailers, teasers e extras de filmes, séries e lançamentos que terão durante o ano.

Foi assim com o lançamento de um especial de “Vingadores Ultimato”, talvez o filme mais esperado da última década. E falando nos que são os maiores da década, The Last of Us foi eleito o melhor jogo da década e terá sua continuação lançada em 2020. Apesar de improvável, pode ser que os fãs do melhor jogo de todos os tempos recebam uma grata surpresa com alguma novidade durante a noite.

Half Time Show

Mas o mais esperado para muitos é o Half Time Show. Há décadas, o show de intervalo do Superbowl é algo memorável, digno de parar tudo para assistir uma apresentação única e emblemática. É claro que muitos artistas já decepcionaram e deixaram a desejar (fica a critério de vocês), mas costumeiramente é uma noite de apresentações, esportiva e artística, memoráveis.

E esse grande evento tornou tais proporções graças ao eterno rei do pop, Michael Jackson. Até a apresentação de Michael, o show era apenas um extra, para divertir quem estava acompanhando o jogo. Mas após a apresentação incrível de Michael, intervalo e também todo o Superbowl tomaram proporções impressionantes.

Em 31 de janeiro de 1993, Michael Jackson fez sua apresentação no Rose Bowl, em Pasadena, Califórnia. Era então o intervalo da 27ª edição do Superbow, partida entre New England Patriots e Philadelphia Eagles. Fato inédito: O show de Michael no intervalo atraiu audiência maior que todo o primeiro tempo. Desde então, o Superbowl se tornou um momento único durante o ano.

 

Michael Jackson é símbolo de revolução na música. Seus videoclipes, batidas, apresentações e tudo que envolvia sua arte se tornaram referência para muitos, mas muitos artistas que surgiram posteriormente. Outros grandes artistas passaram pelo evento também, Bruce Springsten, Tonny Bennett, Patti Labelle (para delírio de Rochelle), Diana Ross, Prince, Justin Timberlake e outros nomes da música.

É evidente que a ESCUTAI iria eleger os três shows mais marcantes do SuperBowl. Sendo o primeiro o de Michael Jackson em 1993. Os outros dois vieram em sequência, nas edições 50 e 51 do evento: Coldplay ft, Beyoncé & Bruno Mars e no ano seguinte, a icônica e “ridícula” Lady Gaga. A edição de Coldplay, Beyoncé e Bruno Mars com certeza arrepiou profundamente quem acompanhou aquele momento. Um show incrível e que marcou diversas pessoas presentes na noite.

Assista aqui

A apresentação de Lady Gaga, também de arrepiar, com o toque que só a atual rainha do pop sabe dar. Como sempre icônica e irreverente, ela apresentou seus maiores sucessos em um show inesquecível, divertido e que fez Everaldo Marques soltar: “Lady Gaga, você é ridícula!”

Pois é Everaldo, você tinha razão, essa mulher é ridícula! O que ela faz com o pop é de se arrepiar, aplaudir e pedir mais. Talvez a única falta nessa apresentação foi uma presença de Beyoncé durante a apresentação de Telephone. Mas Queen Bey já apareceu tantas vezes no Superbowl que mais uma ela seria dona oficial das apresentações do intervalo.

Para 2020, o Half Time Show do Superbowl reserva uma dupla que pode se dizer… Especial! Shakira e Jennifer Lopez estarão juntas, para um momento inédito na carreira de ambas. Além disso, a final reserva um jogo que promete muitas emoções. Afinal, Chiefs e 49ers chegam ambos com campanhas de campeões! E como disse Lady Gaga: O Superbowl é onde os campeões são feitos! Mais uma noite para estar perto das amizades e desfrutar do evento mais esperado do planeta!

O superbowl LIV acontece nesse domingo, 2 de fevereiro a partir das 20:30 com transmissão da ESPN.

 

1 comment

Comments are closed.

Total
14
Share